Não há como vir a este lugar e não lembrar de toda nossa história, eu consigo reviver tudo dentro de mim...

Me encontre aqui também: Pieces Of Me'

terça-feira, agosto 31, 2010


...
Nada passou, nada passa... Tudo ainda está onde esteve
Nada que veio é de graça, Dores são passos na neve
Fáceis de ver como sonho que a gente sonha no escuro
Se resolver ir, eu proponho, olha por cima do muro
Tantos navios no porto, Tantos pianos fechados
Hoje que o sol anda torto, vamos na sombra soldados
Nada que vi avalizo
Tudo é pomar de ilusão, amores vêm sem aviso
Ódios, garanto que não
Nem todo amigo é profeta, mas lembra de nós no estribilho
Só o que é lindo me afeta, pega na mão do teu filho
Pois todo gesto é uma dança
Se for o amor que te move, se o prato frio é vingança
Só o beijo quente comove
Homens de bem vão pra noite, cantam cirandas e blues
Negros embaixo do açoite, olhavam céus tão azuis
Dança uma valsa suave, canta uma música antiga
Gente nasceu pra ser ave, liga pr’uma velha amiga
Deixa a saudade na praça
Deixa tua dor numa rede
Nada passou, nada passa, tudo ainda está onde esteve



Owsvaldo Montenegro - o sábio
Postar um comentário